• Equipe Confina Brasil

Confinamentos do oeste da Bahia consorciam pecuária e agricultura com ótimos resultados produtivos

Confina Brasil em terras baianas!

boi no confina brasil
Fazenda Aquidauana - Luís Eduardo Magalhães (BA) / Foto por Agromovies

Sistema de confinamento como ferramenta na parte da produção

boi no cocho no confina brasil
Fazenda Olinda - São Desidério (BA) / Foto por Agromovies

A Fazenda Olinda, localizada no município de São Desidério, na Bahia, sempre olha primeiro o cenário do mercado para depois planejar como usar o confinamento. A propriedade abate 12.500 cabeças por ano, e tem rebanho com mais de 25 mil cabeças entre vacas parideiras e boi para engorda. O foco da fazenda é a pecuária, mas também trabalham com agricultura para contribuir com a segurança alimentar dos animais, ajustar a carga de lotação de pastos e, principalmente, realizar o sequestro.

boi no confina brasil
Fazenda Olinda - São Desidério (BA) / Foto por Agromovies

No final da seca e início das chuvas, os proprietários retiram todo o gado do pasto ou das palhadas e colocam no confinamento para o pasto crescer. Eles fazem uso do confinamento de forma estratégica para auxiliar na produção de recria e em alguns momentos na cria e engorda.

técnico scot consultoria no confina brasil
Fazenda Olinda - São Desidério (BA) / Foto por Agromovies

Na região de Luís Eduardo Magalhães, a tecnologia é extremamente usada para conseguir produzir num lugar de pouca argila e chuva. A família de cariocas que comanda a Fazenda Olinda é do setor de combustíveis, mas em determinado momento começou a investir em terras. Um dos filhos saiu ainda jovem do Rio de Janeiro para se dedicar às fazendas e há 15 anos mora na propriedade, acompanhando toda a operação, com uma equipe alinhada e funcional.


Sistema simples e bastante produtivo

técnico scot consultoria e pecuarista no confina brasil
Fazenda Aquidauana - Luís Eduardo Magalhães (BA) / Foto por Agromovies

Em Luís Eduardo Magalhães/BA, visitamos a Fazenda Aquidauana, que é comandada por uma família de agricultores que está na região há mais de 20 anos e há 5 anos começou a investir na pecuária para fazer o aproveitamento da área que fica sem lavoura na época das secas.

boi no confina brasil
Fazenda Aquidauana - Luís Eduardo Magalhães (BA) / Foto por Agromovies

Eles fazem TIP e os animais consomem entre 14 e 15 quilos por cabeça/dia só de concentrado, pois os animais buscam o volumoso no pasto e no capim plantado. O sistema tem piquetes grandes, com mais de 600 hectares e lotes de 800 a 1.200 cabeças, onde os animais têm acesso à água e comida no cocho, tornando o manejo mais fácil.

boi confina brasil
Fazenda Aquidauana - Luís Eduardo Magalhães (BA) / Foto por Agromovies

São abatidas de 5 a 6 mil cabeças por ano, mas no cocho cabem apenas 4 mil, pois o objetivo é colocar os animais em confinamento dependendo do clima para preparar o solo para o próximo plantio. Apesar do foco na agricultura, perceberam que a união com a pecuária ajuda a produzir mais. Sendo assim, estão aumentando o processo e tendo mais lucratividade com a Integração-Lavoura-Pecuária.


Superprecoces e precocinhas

boi no cocho no confina brasil
Fazenda Água Azul - Pium (TO) /Foto por Agromovies

Em nossa passagem pelo município de Pium, em Tocantins, visitamos a Fazenda Água Azul. A propriedade faz superprecoces e busca a produção das precocinhas, com animais Angus e Nelore. Por aqui, também é feita reforma de pasto, tanto com lavoura quanto com silagem.

Alta lotação nos pastos

boi no cocho no confina brasil
Agropen, Fazenda Encontro da Natureza - Silvanópolis (TO) / Foto por Agromovies

Outra de nossas paradas foi na Agropen, Fazenda Encontro da Natureza, em Silvanópolis/TO, que trabalha com 80% dos animais de produção própria e conta com cerca de 21 mil animais entre cria, recria e engorda. A propriedade também trabalha com rotacionado, adubação intensiva de base e adubação de produção, com mais de 200 quilos de N por ano, aplicado parceladamente de acordo com a rotação dos pastos. Além disso, a adubação permite trabalhar com alta lotação nos pastos.

boi no cocho no confina brasil
Agropen, Fazenda Encontro da Natureza - Silvanópolis (TO) / Foto por Agromovies

Hoje, a fazenda trabalha com cerca de 7 UA/ha, acima da média nacional, e a terminação no confinamento alcança em torno de 4 mil animais no ano, com intenção de expansão. Outro investimento é a agricultura, produzindo parte do alimento consumido no confinamento. A Encontro da Natureza trabalha com a produção de gado PO registrado, vendendo cerca de 50 touros por ano, e PO sem registro, comercializado por um preço mais acessível aos produtores da região.


Estrutura bem feita


Outra visita que realizamos em Luís Eduardo Magalhães, foi em uma fazenda de proprietários gaúchos que chegaram na década de 80 já pensando em trabalhar com lavoura no cerrado baiano. Hoje, o foco continua sendo a lavoura, com área grande irrigada, onde trabalham com grão comercial e produção de sementes, proporcionando uma vantagem na produção de volumoso. Além disso, prestam serviço para grandes empresas produtoras de sementes e conseguem produzir silagem a partir das plantas macho de milho e sorgo.


Eles têm custo de volumoso abaixo da média dos demais produtores da região, produzem parte do milho e sorgo e têm subprodutos da limpeza das sementes e grãos comerciais. O gado é 100% de compra, com confinamento exclusivo que gira em função de acordo com a viabilidade do mercado. Algo que chamou a nossa atenção foi a estrutura da fazenda, preparada pelos próprios proprietários e muito organizada.

Pra você se localizar!

fiat strada no confina brasil
Fazenda Aquidauana - Luís Eduardo Magalhães (BA) / Foto por Agromovies

Cronograma da 3ª rota do Confina Brasil:

  • 08 de setembro: Gurupi, Pedro Afonso, Guaraí (TO)

  • 09 de setembro: Figueirópolis, Sandolândia, Araguaína (TO)

  • 10 de setembro: Araguaçu, Talismã, Aragominas, Santa Fé do Araguaia (TO)

  • 13 de setembro: Peixe, Divinópolis do Tocantins, Marianópolis do Tocantins (TO)

  • 14 de setembro: Pium, Silvanópolis (TO)


  • 13, 14 e 15 de setembro: Luís Eduardo Magalhães (BA)

  • 15 de setembro: São Desidério (BA)

  • 16 de setembro: Correntina, Cotegipe (BA)

  • 17 de setembro: Jaborandi (BA)


  • 17 de setembro: Montes Claros (MG)

  • 20 de setembro: Pirapora (MG)

  • 21 de setembro: Engenheiro Navarro, Governador Valadares (MG)

  • 22 de setembro: Nanuque (MG)


  • 22 de setembro: Conceição do Castelo (ES)

  • 23 de setembro: Montanha, Vila Velha (ES)


  • 24 de setembro: Macaé (RJ)

  • 27 de setembro: Saupacia, Vassouras (RJ)


Quem está conosco nessa jornada?

equipe scot consultoria e fiat strada

O Confina Brasil 2021 tem apoio e Patrocínio Ouro das seguintes empresas:

Na cota Prata, contamos com as empresas:

A expedição conta ainda com o patrocínio da montadora Fiat e apoio institucional da Assocon, Embrapa Pecuária Sudeste, Embrapa Informática, Hospital de Amor de Barretos e Sociedade Rural Brasileira.


A pesquisa do Confina Brasil

técnico scot consultoria no confina brasil
Fazenda Água Azul - Pium (TO) /Foto por Agromovies

Vamos viajar por 11 estados, visitar 120 propriedades, além de atualizar de forma remota os confinamentos visitados em 2020, totalizando a pesquisa em 14 estados. No total, o estudo reúne informações de propriedades responsáveis pela terminação de mais de 2 milhões de bovinos em confinamento.


Fique por dentro da nossa página do Instagram @confinabrasil para todas as novidades em tempo real da expedição. #issoéconfinabrasil.