• Equipe Confina Brasil

Livre de febre aftosa, pecuaristas catarinenses têm dificuldade na quantidade de oferta

Confira que a nossa equipe constatou nas visitas por Santa Catarina.

gado
Masavel Agropecuária - Salto Veloso (SC)

Continuamos nossa jornada com o Confina Brasil pelas propriedades em Santa Catarina, dando sequência à missão de mapear o confinamento de bovinos no país entre junho e setembro.


Diversificação de negócios

gado cocho coberto
Masavel Agropecuária - Salto Veloso (SC)

O grupo Masavel, em Salto Veloso, de Claudemir Cesca, foi uma das propriedades que visitamos e que nos chamou a atenção foi a união familiar, além da diversificação de negócios, seja na madeireira, onde trabalham com grande área de pinos, na suinocultura, e na pecuária de corte intensiva em confinamento.


O grupo é bem representativo, sendo considerado um dos maiores da região. São duas gerações trabalhando juntas, cada um responsável por uma área. Esse modelo de gestão é que sustenta a união familiar e mostra o motivo de terem chegado até aqui, conquistado tudo o que tem hoje.


Operação enxuta e bem coordenada

confinamento
Sítio Bela Vista - Macieira (SC)

Outra parada foi no Sítio Bela Vista, em Macieira, uma propriedade de pequeno porte, onde o proprietário Jair Comerlato é o responsável por executar todas as atividades. Por ano 200 animais são terminados em confinamento, sendo que tem capacidade estática para 160.


O local é totalmente coberto, com sistema de grade. Duas vezes ao ano, os dejetos são retirados para fazer adubação na lavoura de milho, que ele mesmo colhe para fazer silagem do gado.


Animais de qualidade fazem a diferença

gado cocho
Fazemda Matè - Jardinópolis (SC)

Já no município de Jardinópolis, passamos na Fazenda Matè, do proprietário Marcos Matè. Por aqui, os animais de qualidade realmente fazem a diferença no confinamento. Matè começou a fomentar a inseminação de angus nos pequenos proprietários de bezerro, investindo nos serviços e incentivando os criadores a produzir mais bezerros, uma vez que ele compra esses animais estando já na segunda safra desse sistema.


Outro destaque é a limpeza das baias do confinamento, que é todo concretado e faz uso dos dejetos. Ele lava as baias toda semana com água do dejeto que acumula da chuva.


Por dentro do mercado

técnico scot consultoria e pecuarista
Fazenda Segredo - Campo Erê (SC)

Em São Bernardino, região de Campo Erê, está a Fazenda Segredo, de Fernando Vigano. Na propriedade, é realizado um sistema de confinamento diferente dos demais em que passamos pelo estado. O número de animais abatidos chega a 4 mil, o que não é comum em Santa Catarina.


Fernando é um apaixonado pela pecuária e visa o custo de oportunidade de compra e toda a parte financeira do negócio. Foi uma das dietas mais baratas que encontramos até hoje, afinal ele está sempre ligado no mercado.


É perceptível também uma reclamação comum entre os pecuaristas: o fato de o estado ser livre de febre aftosa por muito tempo e não poder importar animais, dificulta a quantidade de oferta viável para os produtores, porque os mesmos só podem comprar dentro do estado.


Pra você se localizar!

fiat strada no confina brasil

No início de julho, o Confina Brasil visitou propriedades em Campo Erê, Santa Catarina.


Confira por onde o Confina Brasil já passou e quais são os próximos passos da expedição na região Sul:

  • 21 de junho: Viamão, Alto Feliz, São Lourenço do Sul (RS)

  • 22 de junho: São Sebastião do Cai, Farroupilha, Capão do Leão (RS)

  • 23 de junho: Cachoeira do Sul e Dom Pedrito (RS)

  • 24 de junho: São Sepé, Cachoeira do Sul e Uruguaiana (RS)

  • 25 de junho: Santiago e São Borja (RS)


  • 28 de junho: Ibicaré e Videira (SC)

  • 28 de junho: Santa Barbara do Sul e Chapada (RS)

  • 29 de junho: Frederico Westphalen (RS)

  • 29 de junho: Treze Tílias e Sul Brasil (SC)

  • 30 de junho: Salto Veloso, Macieira, Jardinópolis (SC)

  • 30 de junho, 1 e 2 de julho: Campo Erê (SC)


  • 01 de julho: Palmas e Coronel Vivida (PR)

  • 02 de julho: Coronel do Iguaçu, São João, Pato Branco (PR)

  • 5 de julho: Esperança Nova, Cascavel (PR)

  • 5 e 6 de julho: Umuarama (PR)

  • 6 de julho: Santa Mônica, Santa Tereza do Oeste, Braganey (PR)

  • 7 de julho: Loanda, Marilena, Terra Rica, Boa Ventura de São Roque, Luiziana (PR)

  • 8 de julho: Mandaguari, Barbosa Ferraz (PR)

  • 8 e 9 de julho: Paranavai (PR)

Quem está conosco nessa jornada?

equipe scot consultoria e fiat strada

O Confina Brasil 2021 tem apoio e Patrocínio Ouro das seguintes empresas:

Na cota Prata, contamos com as empresas:

A expedição conta ainda com o patrocínio da montadora Fiat e apoio institucional da Assocon, Embrapa Pecuária Sudeste, Embrapa Informática, Hospital de Amor de Barretos e Sociedade Rural Brasileira.


Continua a jornada por Santa Catarina

técnico scot consultoria e pecuarista
Fazenda Segredo - Campo Erê (SC)

Em sua segunda edição, o Confina Brasil viajará por 11 estados, com a visita a 120 propriedades, e atualizará, de forma remota, os dados dos confinamentos visitados em 2020, totalizando a pesquisa em 14 estados. O estudo contemplará informações de propriedades responsáveis pela terminação de mais de 2 milhões de bovinos em confinamento.


Siga nossa página do Instagram no @confinabrasil e fique ligado em tudo que acontece durante a nossa jornada. #issoéconfinabrasil.